Soluções

Sexóloga dá dicas para você dizer o que quer na cama

Encontro fuder 24085

Liberdade sexual é transar com todo mundo de todos os jeitos. A frase de que ela gosta é de Leila Diniz, ícone do feminismo brasileiro, e foi disparada em resposta à investida de um coronel no auge da ditadura militar. Walter Thompson, nos Estados Unidos. É hora de fazermos o que quisermos. E depois me senti um objeto, alimentei a plantinha do machismo com adubo. É difícil. Se transar casualmente, com homens, mulheres, um ou mais parceiros, e sem culpa, é uma conquista nossa, abdicar dessa possibilidade seria sucumbir à norma? A cena que rolava em seguida era sempre a mesma: ela acordava em casa, outra pessoa ali do lado, e tudo que Mariana conseguia sentir era vontade de que aquilo acabasse logo.

Colunistas

A engenheira agrônoma Laura Oliveira, de 27 anos, conta que a vida de solteira foi uma ingrata surpresa. Nas duas vezes que tentou ter um amigo com benefícios, deu com a cara na porta. Para mim, estava ótimo. Só que ele começou a me cobrar, a perguntar onde eu estava, com quem eu estava. Eu logo cortei. Imagem: Arquivo Pessoal. Deixei claro que só queria um lanço casual e que ficaríamos com outras pessoas.

Leave a Reply

Your email address will not be published.